Buscar
  • desafiomecanico

Grande Final do Desafio Mecânico: Carlos x Ianatã

Em uma noite repleta de emoções, conhecemos o bi-campeão do Desafio Mecânico, consagrado com o título de melhor mecânico de bicicletas do Brasil!

Carlos Eduardo e Ianatã Veiga chegaram a grande final e protagonizaram o último embate do Desafio Mecânico 2021. Em uma prova de altíssimo nível técnico, os dois realizaram uma bela disputa, que consagrou o melhor mecânico de bicicletas do Brasil! Ao final, ainda contamos com uma emocionante cena de amizade e respeito.


A prova consistia em quatro etapas, que deveriam ser cumpridas no período de 1 hora. Primeiro os competidores deveriam fazer a montagem de tubeless dos pneus Kenda nas rodas Mavic. Depois, a montagem do kit de upgrade Sram GX AXS, além de escolher uma gancheira da Gantech no quadro de ferramentas. O terceiro passo consistia em fazer a sangria e dar os torques nos freios Magura MT8 Raceline. Por fim, sincronizar o Garmin Edge 1030 com o câmbio Sram GX AXS e o câmbio Sram XX1 AXS. Tudo isso na bike SCOTT Scale 940.


A disputa final

Como já era de se imaginar, os dois mecânicos começaram a prova com muito foco e agilidade! O primeiro processo foi a montagem de tubeless e ambos fizeram com muita eficiência e rapidez. Os dois estavam muito parelhos, fazendo cada procedimento, praticamente, ao mesmo tempo. Depois do tubeless, eles passaram para a instalação do kit do câmbio Sram GX AXS e, neste momento, Ian encontrou seus primeiros problemas. Ele teve algumas dificuldades para instalar o câmbio na gancheira, perdendo bastante tempo e estabilidade emocional, enquanto Carlos, do outro lado, passou por esse processo com tranquilidade.

Depois de passar alguns perrengues, Ianatã se recuperou, conseguiu fazer a instalação e partiu para os freios. Carlos, que também estava nesta etapa, seguia a prova com sua tranquilidade e frieza típica, já apresentadas outras provas, executando cada processo com excelência. Ian também teve problemas com os freios, principalmente na sangria, quando apertou a seringa na parte superior, podendo estourar o manete.


Por fim, partiram para a sincronização do Garmin Edge 1030 com o grupo de câmbios da Sram e executaram a tarefa sem maiores problemas. Apesar de toda pressão e o cronômetro contra, ambos conseguiram entregar o serviço finalizado dentro do tempo estipulado, finalizando com chave de ouro a última prova da temporada!


Avaliações dos jurados

O primeiro avaliador foi Caíque Pereira, responsável pela garantia e treinamento, na Escola Park Tool, de instalação e reparos dos freios Magura. Ele elogiou os dois participantes e começou suas observações por Ianatã, que cometeu alguns erros na instalação do freio. O catarinense esqueceu o bloco na parte da sangria, o que fez o pistão pular pra fora, além de apertar a seringa na sangria da parte superior. Apesar das observações, Caíque elogiou a coragem e seriedade do trabalho do mecânico. Carlos foi o segundo avaliado e não levantou nenhuma observação negativa. Para Caíque, ele seguiu todo o manual de forma exemplar, sem cometer erros.

Logo em seguida entrou nosso trio de jurados para uma última avaliação. Ianatã novamente foi o primeiro avaliado e levantou algumas observações dos jurados. As principais delas se deram ao fato do pneu da sua bike ter murchado ao longo da prova, de ter segurado o torquímetro de forma incorreta e também pelo erro na sangria, já citado anteriormente. No mais, ele foi muito elogiado por ter terminado a prova mesmo sob pressão, pelo profissionalismo e qualidade em todos os serviços executados até então.


Carlos também recebeu muitos elogios dos jurados. Ele fez toda a prova de forma segura e levantou pouquíssimas observações, como ter colocado a corrente por cima do quadro, podendo riscá-lo, por exemplo. Mas, de forma geral, seu serviço estava impecável e sua bike pronta para dar um rolê. Essa trajetória primorosa, vencendo seus duelos com propriedade, resultou em sua vitória e serviu para coroar e confirmar o que vimos na última edição: Carlos é, novamente, o melhor mecânico de bicicletas do Brasil!


Atitude de campeão

Ao término da prova, ainda nos bastidores, Carlos presenteou Ianatã com um alinhador de gancheiras, em um momento único e emocionante do programa. Em seu depoimento, o paulista contou que, quando estava começando, ouviu muitos nãos durante sua vida. Foram poucos que estenderam a mão para ajudá-lo e, por isso, quis fazer diferente. Em uma conversa com Ian, percebeu que ele estava precisando muito deste utensílio e, de bom coração, o presenteou, proporcionando uma imagem que fecha com chave de ouro o ciclo e propósito desta edição.


Vagas abertas para 2022

O Desafio Mecânico 2021 vai deixar saudades... Essa edição mal acabou e já estamos ansiosos para a próxima! Por isso, declaramos oficialmente aberta a pré-inscrição para o ano que vem! Você que é mecânico, se inscreva e venha participar conosco... Ou você, que conhece algum mecânico talentoso, indique para ele!


Clique aqui e se inscreva, esse pode ser o primeiro passo para você se tornar o melhor mecânico de bicicletas do Brasil!


Veja a final completa:


Texto por: Luis Gustavo de Carvalho

169 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo