Buscar
  • desafiomecanico

Resumão do quarto episódio: Hertz x Raine

O quarto episódio do Desafio Mecânico foi marcado por um duelo emocionante. José Hertz e Raine protagonizaram um embate acirrado que foi decidido por uma falta de atenção

José Hertz, 45 anos, natural de Salgueiro - PE e Raine Souza, 26 anos, de Belo Horizonte - MG, se enfrentaram no quarto episódio do Desafio Mecânico. Um duelo acirradíssimo que foi definido por um detalhe!


Vale lembrar que nesta primeira etapa todos os participantes devem efetuar uma montagem de tubeless em, no máximo, 15 minutos. Nas provas foram utilizados materiais e insumos da mais alta qualidade, referências no mercado: rodas Mavic, selante Algoo e pneus Kenda.


O embate

Ao iniciar o cronômetro, Raine começou a prova a todo vapor, demonstrando muita técnica e experiência no assunto. Hertz, por outro lado, se mostrou mais tranquilo. Fez sua oração, como costuma fazer todos os dias em sua oficina, e também mostrou muita técnica e calma ao realizar os procedimentos.

Ficou claro que os dois mecânicos dominavam o assunto. Eles seguiram todos os procedimentos como manda o manual: Fita bem apertada, quantidade de selante correta, técnicas apuradas. Até então, poucas considerações haviam sido feitas pelos jurados. Um fato, no entanto, chamou a atenção: Raine se esqueceu de colocar os óculos de proteção e em uma prova como tubeless, a segurança é tão primordial quanto ao serviço bem feito.


Raine foi o primeiro a concluir a prova, com cerca de 5 minutos de folga para acabar o tempo, o que contou mais um ponto positivo para o mineiro. Com tempo de sobra, ele organizou a bancada, ferramentas e entregou um serviço final com muita segurança e tranquilidade. Hertz terminou pouco tempo depois, com cerca de 2 minutos restantes, mantendo a mesma calma do início. Foi um embate bonito de se ver, com os dois mecânicos entregando os serviços com maestria. Restava apenas a avaliação dos jurados.


O veredito

O trio de jurados rasgou elogios aos dois competidores. Foi pontuado que ambos demonstraram muita técnica e calma ao realizar os procedimentos, entregando um produto final com rapidez e excelência. A principal ressalva foi pelo fato de Raine ter esquecido de colocar os óculos de proteção. Ricardo contou que o pneu já estourou quando ele estava montando um tubeless e que, graças ao óculos de proteção, não sofreu danos nos olhos.


A decisão seria difícil! Os dois mecânicos entregaram os serviços corretamente, então dois fatores principais estavam em jogo para a decisão dos jurados. Raine terminou a prova antes, porém Hertz utilizou os óculos. Qual ponto é mais importante? Para os jurados, a segurança do mecânico é algo indispensável. Marron Biker ficou encarregado de sacramentar o vencedor e garantiu Hertz como o quarto classificado para a próxima etapa. O pernambucano não escondeu a felicidade e se emocionou nos palcos do Desafio Mecânico.


Próximo episódio

Na próxima terça-feira (15), às 19h, terá um embate surpresa! Ainda restam 8 mecânicos: Adevaldo, Giovanna, Gurae, Ianatã, Junior, Barb, Thiago e Vinícius. Todos em busca de uma vaga nas quartas de final, em que apenas quatro irão conseguir. Façam suas apostas e se preparem para mais um episódio surpreendente!


Veja o quarto episódio completo:


Texto por: Luis Gustavo Carvalho


185 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo